Qual a alimentação ideal para o pré e o pós treino?

Quem tem uma série intensa de treinos diários sempre possui um objetivo bem claro em sua cabeça, seja perder as gorduras indesejadas ou ganhar mais massa muscular. Em muitos casos, os atletas utilizam suplementos para ajudá-los.

Mesmo assim, não há suplemento alimentar que ajude se a alimentação não for balanceada e saudável. É essencial um planejamento cuidadoso envolvendo os alimentos ingeridos durante o dia todo, inclusive antes e depois dos treinos. Existem diferentes tipos de dietas, tanto para quem quer emagrecer quanto para quem quer adquirir massa magra. Da mesma forma, existem alimentos que devem ser proibidos em dietas, pois podem prejudicar todo o seu esforço físico.

Muita gente acha que comer pouco ou cortar carboidratos e gorduras é a solução para suas metas, mas não é bem assim. É importante comer de três em três horas para que o organismo não roube energia dos seus músculos.

Além disso, carboidratos e algumas gorduras também são essenciais para quem está atrás de mais massa muscular. Excluí-los de sua dieta é um erro tremendo que pode estragar toda a sua rotina de exercícios.

É fundamental pensar bem no que comer antes e depois das atividades físicas. Por isso, veja abaixo alguns exemplos de qual a alimentação ideal para o pré e pós treino:

 

Alimentação pré-treino

  • Proteínas: as proteínas são elementares para recuperar e desenvolver os tecidos musculares. Alguns alimentos ricos em proteínas são: ovos, frango, peito de peru e atum.
  • Carboidratos: os carboidratos fazem com que o corpo utilize açúcares e gorduras para gerar energia ao invés de retirar dos músculos. Procure consumir os de fácil digestão, como mandioca, batata-doce e frutas.
  • Água: obviamente, água é fundamental para qualquer ser humano. Contudo, é especialmente importante que você ingira bastante água para hidratar o corpo e se sentir melhor durante os treinos.
  • O que evitar: tire as fibras de sua alimentação pré-treino, pois apesar de serem essenciais para a nossa saúde, elas prejudicam a absorção dos carboidratos. Também não consuma gorduras em excesso, como manteiga e óleos. O único óleo recomendado é o de coco, que possui efeito termogênico.

 

Alimentação pós-treino

  • Whey protein: as moléculas presentes no whey protein são leves. Sendo assim, ele possui uma rápida absorção, o que faz com que seja ideal para o pós-treino, pois fornece ao corpo em recuperação os nutrientes protéicos essenciais. O whey protein hidrolisado é o mais indicado.
  • Proteínas: as proteínas são indispensáveis tanto para a alimentação pré-treino quanto pós-treino. Afinal, elas ajudam na restauração e saúde dos músculos. Além dos alimentos já citados ricos em proteínas, você também pode consumir feijão, carnes magras, iogurtes e queijos.
  • Carboidratos: olha eles aqui de novo! Os carboidratos são ainda mais necessários caso o seu treino tenha sido realmente intenso, pois eles servem para repor a energia gasta e evitar que o organismo utilize os tecidos musculares como fonte de energia.

 

Para ter uma alimentação realmente eficaz, é fundamental que você procure um nutricionista. Só esse profissional poderá lhe passar uma dieta específica às suas necessidades e objetivos.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *